O que é o iToken Itaú e como usar?

As novas tecnologias estão mais implementadas para que qualquer operação feita através do internet banking ou aplicativo do banco, sejam mais seguras e transmitam mais confiança para o cliente, mas você sabe o que é o Itoken?

O iToken é uma ferramenta que aumenta a segurança ao realizar operações bancárias. A ferramenta possui a função de gerar senhas para que o cliente utilize em transações. Neste conteúdo você vai ver o que é iToken Itaú, para que serve e como utilizá-lo. Confira!

O que é o iToken Itaú?

O iToken Itaú é um gerador de códigos de segurança feito na tela inicial do aplicativo do banco. O código vai autenticar as transações bancárias feitas através dos canais digitais do banco.

O que é o iToken Itaú
Fonte/Reprodução: original

Dessa maneira, o cliente se sente mais seguro para realizar transações por meios digitais disponibilizados pelo banco e pode utilizá-los sem problemas e riscos de ser vítima de golpe ou fraude.

Isso significa que qualquer operação que fizer pela internet é segura e confiável devido ao iToken e outros sistemas de segurança utilizados pelos bancos, o que torna a realização de transações bancárias tão seguras quanto as realizadas em caixa eletrônico.

Para que serve o iToken Itaú?

O Itoken é uma ferramenta que já existe há alguns anos utilizada como chaveiro. Inicialmente, ele contava com um visor de senha de seis dígitos aleatórios para que o cliente entrasse em sua conta pela internet.

Atualmente não é necessário chaveiro para utilizar as senhas. O cliente Itaú pode contar com diversas possibilidades para gerar códigos de segurança. O cliente pode solicitar senhas do iToken Itaú por SMS ou através do gerador instalado no aparelho celular.

Para que serve o iToken Itaú
Fonte/Reprodução: original

No iToken é gerada uma senha provisória que serve para ser utilizada uma única vez durante uma operação bancária. Dessa maneira, a senha permanente do banco fica protegida para não poder ser utilizada por nenhum invasor. Essa senha gerada através do iToken é mudada a cada 20 segundos. Por isso, programas para descobrir senhas não poderão decifrar os códigos gerados.

O banco Itaú tem renovado cada vez mais os meios de segurança. Os chaveiros antes utilizados, acabaram por perder a atenção para o app. Por ser mais prático, o aplicativo para smartphone substitui gradualmente as outras ferramentas de segurança do banco.

Como habilitar o iToken Itaú?

Habilitar o iToken Itaú é um processo simples e rápido. Com seu celular, vá até um caixa eletrônico do Itaú e siga os seguintes passos:

  • Com seu cartão, acesse sua conta;
  • Selecione a opção “Ver agora” ao aparecer a mensagem de desbloqueio do iToken;
  • Confirme o desbloqueio;
  • Posicione o QR Code após seguir os passos indicados;
  • Digite o número iToken QR Code gerado no celular e selecione “OK” no caixa eletrônico.

O iToken é ativado após habilitado no caixa eletrônico, ao acessar o aplicativo do banco em seu celular. Depois, basta sair da conta para que o iToken seja gerado. Não é preciso ter receio de realizar operações bancárias através do aplicativo, pois atualmente até mesmo os bancos digitais como o Iti que pertence ao Itaú, utilizam os mesmos métodos de segurança.

Atualmente, realizar transações pelos aplicativos é tão seguro quanto fazer isso pessoalmente em um caixa eletrônico. Além de ser mais prático, rápido e não ser necessário sair de casa para isso.

Leia também:

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.