O que é o valor justo?

No mundo da contabilidade financeira, existe o valor justo. Este pode ser calculado através do CPC-46. Esse valor justo, é o processo de determinação de um VP (Valor Presente) de um ativo em específico. 

As avaliações do valor justo podem ser feitas em um ativo, sendo ações, investimentos, empresas, marcas, patentes e outros como também podem ser avaliados em passivos.

É importante que o valor justo seja avaliado por inúmeros motivos. Isso inclui a análise de orçamento de capital, investimento, aquisição, transações de fusão, eventos tributáveis e relatórios financeiros.

No caso do valor justo, o dinheiro que seria obtido por uma venda de um ativo ou que seria pago por uma transferência de um passivo, através de uma transação que não foi forçada entre as partes.

Neste conteúdo você verá o que é valor justo, como ele é calculado, o que afeta o valor justo de um ativo e muito mais. Continue lendo para conferir!

O que é o valor justo?

O valor justo é o valor total que seria recebido pelo vendedor ou prestador de serviço (ativo). Isso também é válido para o dinheiro que foi pago pela transferência de um passivo.

O que é o valor justo?
Fonte/Reprodução: original.

É importante deixar claro que essas são transações não foram forçadas. Porém, isso significa que não é o tipo de venda emergencial que, no caso, tem como objetivo liquidar uma dívida.

Em regra, nos casos de vendas que são emergências, é normal que o dono do ativo faça uma redução do valor dele, para que a transação ou venda seja feita mais rápido. O valor justo é atrelado ao ato da transação. Isso ocorre devido ao fato do valor pode mudar com o passar do tempo.

Como o valor justo é calculado?

É fundamental entender que o valor justo é feito para um ativo ou passivo específico. Isso ocorre por conta do processo que levou em conta cada característica do produto, como localização, restrições de uso, estado e conservação.

Para que o valor justo do ativo seja definido, são utilizados alguns dados de ativos ou passivos. É crucial que a maneira que o valor justo foi determinado seja esclarecido de maneira totalmente clara.

Existem três principais métodos para determinar esse valor que são: abordagem de receita, abordagem de custo e a abordagem de mercado. O primeiro modo também pode ser conhecido como “fluxo de caixa descontado” e calcula o aumento de valor presente de acordo com a taxa de desconto. 

Como o valor justo é calculado?
Fonte/Reprodução: original.

Já a abordagem de custo é utilizada para mensurar o valor justo ou o custo de reposição do ativo. Enquanto o terceiro modo, a abordagem de mercado calcula o valor justo por meio dos preços e outras informações relevantes ao produto, como as cotações e precificações.

De acordo com o CPC 46 é importante que a entidade utilize as técnicas de avaliação mais apropriadas no momento, levando em conta as circunstâncias para que haja formas suficientes de chegar ao valor justo. Dessa maneira, o uso de dados observáveis relevantes são maximizados e também o uso de dados que não são observáveis.

Por que o valor justo é importante?

Existem diversas maneiras que podem levar ao valor justo. Cada método de avaliação de um ativo tem sua importância para que o cálculo seja feito. Dessa maneira, é possível levar ambas as partes a um acordo que seja válido.

O que afeta o valor justo de um ativo?

Quando o valor justo de um ativo é determinado, o produto ou item precisa ser analisado com base no valor de produtos iguais. É importante realizar uma avaliação profissional ou determinar o valor que normalmente é dado no mercado por itens semelhantes.

Como você pode ver, o valor justo é muito importante para um vendedor e para o comprador. Ele é muito utilizado no mercado e é muito importante entender sobre ele. 

Leia também:

Comentários fechados

Os comentários desse post foram encerrados.